Fisioterapia e Treinamentos - Campinas - SP

Autor: Felipe Ribeiro Mascarenhas CREFITO-3 27386-F

Fisioterapeuta

Existem hoje inúmeras formas de terapias que utilizam o estalar da coluna como tratamento, tais como o Quiropraxia, Osteopatia, Terapias Manuais, entre outro. Os leigos dizem até que o terapeuta “chegou a coluna no lugar”.

Mas o que é o estalo na coluna? O paciente corre algum risco? Mas afinal para que servem os estalos?

Calma! Vamos responder todas as suas questões.

O estalo na coluna nada mais é do que a abertura rápida ou brusca de uma articulação da coluna, igual quando estalamos os dedos quando os puxamos com força. Portanto não se trata de fratura na coluna, nem tão pouco de se “colocar uma vértebra no lugar”, como é dito popularmente.

Existem alguns riscos sim, neste tipo de manobra, pessoas com osteoporose, com suspeita de fratura, com calcificação de artérias tem contra-indicação a esse tipo de tratamento. Porém um profissional experiente terá condições de avaliar as indicações contra-indicações e riscos de cada paciente, e ainda utilizar outro tipo de técnica para o tratamento.

Os estalos? Sim eles aliviam as dores e relaxam a musculatura, mas não é só esse o beneficio que eles podem nos proporcionar. Para cada vértebra da coluna há um conjunto de nervos que correspondem a ela. Estes nervos enviam informações para músculos, pele, vasos sangüíneos, e vísceras (estomago, intestino etc.). Quando um músculo está tenso, existe uma alteração na vértebra que corresponde a esse músculo, e conseqüentemente, a pele, os vasos e vísceras que correspondem a essa vértebra também ficam alterados. Algumas dessas alterações podem passar desapercebidas, outras podem trazer efeito imediato como cólicas, prisão de ventre, dores de cabeça, gastrite. Uma dessas alterações, que fique por muito tempo pode até se transformar em patologia como, por exemplo, uma ulcera no estomago. Quando o profissional, bem preparado trata de seu paciente realizando manobras que produzem estalos, ele está desbloqueando o movimento da vértebra, o que gera um estimulo reflexo para que as funções de tudo aquilo que corresponda a ela se normalize. Normalmente temos a capacidade apenas de sentir o relaxamento muscular. Ufa! Que alívio!

Indicadas por uns, e contra-indicada por outros, podemos concluir que as manobras com estalo na coluna podem ser de grande benefício para qualquer pessoa, e quem a contra indica, o faz apenas por desinformação. Procure sempre um profissional que tenha uma boa formação.

Copyright © Todos os direitos reservado para Felipe Ribeiro Mascarenhas

Carregando mapa de localização...